"Nestas impressões sem nexo, nem desejo de nexo, narro indiferentemente a minha autobiografia sem fatos, a minha historia sem vida. São as minhas confissões, e, se nelas nada digo, é que nada tenho que dizer." Bernardo Soares

Aviso das Imagens

P.S. informo que todas as imagens aqui postadas foram retiradas da net, caso sejam de sua autoria por favor informe que darei os devidos créditos e caso não deseje a postagem a mesma será retirada.

sábado, 8 de maio de 2010

Ouvi essa música e me achei na letra!!!!

"Invernos
Impérios
Mistérios
Lembranças
Cobranças
Vinganças

Assim como a dor
Que fere o peito
Isso vai passar
Também

E todo o medo, o desespero
E a alegria
E a tempestade, a falsidade
A calmaria
E os teus espinhos
E o frio que eu sinto
Isso vai passar
Também

Saudades
Vaidades
Verdades
Coragem
Miragens
E a imagem no espelho
Como a dor
Que fere o peito
Isso vai passar
Também

E todo o medo, o desespero
E a alegria
E a tempestade, a falsidade
A calmaria
E os teus espinhos
E o frio que eu sinto
Isso vai passar
Também

Isso vai passar
Isso vai passar
Isso vai passar
Também
Isso vai passar
Isso vai passar
Também

Isso vai passar"

Um comentário:

Maldito Diário disse...

Uma musica premonitica com certeza...quase um horóscopo cantado...interessante como a gente se acha por essa vida 'afora'...
A gente é letra, som e carne ao mesmo tempo.

Bjs!