"Nestas impressões sem nexo, nem desejo de nexo, narro indiferentemente a minha autobiografia sem fatos, a minha historia sem vida. São as minhas confissões, e, se nelas nada digo, é que nada tenho que dizer." Bernardo Soares

Aviso das Imagens

P.S. informo que todas as imagens aqui postadas foram retiradas da net, caso sejam de sua autoria por favor informe que darei os devidos créditos e caso não deseje a postagem a mesma será retirada.

domingo, 23 de maio de 2010

amantes

Tarde da noite, o lua já atingiu sua magnitude.

A vontade do prazer...

Sexo...

Você me procura...

e me provoca, fazendo aquela carinha de quem perguntava silenciosamente:

"Não quer um pouquinho?".

E esse pouquinho foi o suficiente para um grande prazer.

Não me diga nada.

Fique calado, aproveite somente o que posso te proporcionar.

Entre o côncavo e o convexo

Você veio se satisfazer.

Eu não posso me iludir,

Te enganar...

Sou amante do seu corpo,

Do seu beijo,

Do seu gemido.

Se quisermos,

Só podemos ser amantes,

Nada mais.

Quero apenas o teu sexo.

Fugir do cotidiano.

Me entregar sem pudores,

Medos ou mascaras.

Somos cápsulas de gozos e segredos
de doces lembranças na cama.

Maltratadas pelos corpos e suores.

Podemos apenas buscar a orgia,

Em honra de nossos desejos.


2 comentários:

Maldito Diário disse...

Não sei o que faço por aqui quando sei que deveria estar aí!!!!!
Espere, já estou indo e quando você menos esperar toco a campanhia e te tiro daí!!!!

Bjs.

Ranzinza disse...

Magrão...