"Nestas impressões sem nexo, nem desejo de nexo, narro indiferentemente a minha autobiografia sem fatos, a minha historia sem vida. São as minhas confissões, e, se nelas nada digo, é que nada tenho que dizer." Bernardo Soares

Aviso das Imagens

P.S. informo que todas as imagens aqui postadas foram retiradas da net, caso sejam de sua autoria por favor informe que darei os devidos créditos e caso não deseje a postagem a mesma será retirada.

sexta-feira, 28 de maio de 2010

meu vício

meu vício agora é você;
não consigo deixar de pensar, de querer você.
droga que me entorpece;
que me deixa isana no dia que não provo.
aguardo ansiosamente o momento de te consumir.
desejo com fervor ser completamente dominada por você.
meu vicio...
minha espera...
minha alegria.
me possua como se eu fosse a ultima dose.
de forma que não mais poderá me ter ou me sentir.
sinta-me em suas entranhas.
te dominando, te matando.
te matando no pecado,
no meu corpo, no meu sangue, na minha libido,
divida comigo o prazer,
o extasi de ter por inteiro,
dentro de mim...
como o ar, como sangue, como minha vida... és meu vício...

4 comentários:

Lust Girl disse...

Amei seu blog!!!


XXS

lust girl

Maldito Diário disse...

Você é meu sol e minha lua, é meu céu e a minha loucura. Te adoro e não quero mais ninguém em minha vida!

A.S. disse...

Há vicios deliciosos... fascinantes como o mais puro absinto! Insanos como a mais louca das paixões...


Beijosss
AL

Momentos de Insanidade e Lucidez disse...

Mas todos prazerosos de serem vividos.